12 de fevereiro de 2016

Bem-vindo

Sê bem-vindo
À minha peça de teatro!
Não pagas bilhete,
Mas só assistes a um acto.

Sê bem-vindo
À minha performance!
Senta-te na primeira fila,
Só hoje terás essa chance.

Sê bem-vindo
À minha actuação!
Não bates palmas?
Obrigado! ... De coração.

Sê bem-vindo
Ao meu recital!
Eu quero dar o meu melhor...
Não sei bem. às vezes, é qual!

Sê bem-vindo
À minha gravação!
Às vezes minha fé vacila...
Ou então! ...Não.

E... para quem está
Na bancada VIP sentado
Tenho muita coisa a dizer
A primeira é agradecer

Depois... quero agradecer de novo
Pois, sem vocês meus fiéis espectadores
Eu não seria mais do que um ovo

Graças a vocês meus queridos
Passei muitos dias à rasca
De sangue, suor e lágrimas
Valeu a pena! Saí da casca

Tenho marcas, tenho feridas e...
Dói-me aqui, dói-me ali!
Tive que ser contorcionista
Quase desde que nasci

Minha arte é intemporal
E treinada devagarinho
Na plateia: uns, dizem mal
Outros, é cá um burburinho!

Nos bastidores sou bem orientada
Por mentores de categoria
Também eles já estiveram no meu lugar...um dia...
E...são cá d'uma valentia!

Também quero muito agradecer
A quem trata da encenação
Som, limpeza, iluminação...
Tudo tem muito valor...podem crer!

Só faço bem se todos os dias
Sentir gratidão por este chão
E, depois...sei que tudo o que me acontecer
Eu, certamente, fiz por merecer!

Sou a actriz principal
Este é o meu guião
Pelos meus amigos de cena
Esforço-me por sentir, também, gratidão

E... no dia em que a cortina fechar
Quero sentir-me muito feliz
E ter o meu coração a transbordar

E... no dia em que a cortina fechar
Quando meus olhos abrir
Quero ver claro e sentir

E... no derradeiro momento!
Quando finalmente...
...a iluminação se apagar!
...o som se desligar!
E...a cortina, definitivamente, cerrar!
Eu vou uma vénia fazer!
E vou continuar a agradecer!

A minha chama continuará acesa
E a minha fé a fervilhar
Quero outros palcos pisar
Por aí fora...
...por esse infinito Universo

Cristina, Dezembro de 2015

Sem comentários:

Enviar um comentário